16 de julho de 2019

Tudo o que Você Precisa Saber sobre o Bilhete de Passagem Eletrônico (BPe)

Por: 

Quero Passagem

Categorias

Quem está acostumado a viajar de ônibus já deve ter se deparado com o termo Bilhe de Passagem Eletrônico. O BPe – como também é conhecido – surgiu no começo de 2018 e trouxe inúmeras vantagens para os passageiros e para as empresas de transporte.

Você sabe como essa novidade funciona? Esclareça suas dúvidas com algumas dicas da Quero Passagem:

passageiros no ônibus

O que é o Bilhete de Passagem Eletrônico (BPe)?

O Bilhete de Passagem Eletrônico é considerado um documento fiscal. Foi desenvolvido exclusivamente para substituir os bilhetes de passagens rodoviárias, aquaviárias e ferroviárias. É utilizado para facilitar o processo do viajante e para agilizar as atividades das empresas de transporte.

Como Funciona o Bilhete de Passagem Eletrônico?

Criado para proporcionar mais autonomia e praticidade aos passageiros, o bilhete de passagem eletrônico funciona de maneira simples e eficiente. Quando o cliente for comprar sua passagem de ônibus no site da Quero Passagem, basta solicitar o BPe e aguardar o envio do bilhete digital no e-mail.

Depois, é possível imprimir o bilhete de passagem eletrônico no local desejado, seja em casa, no trabalho ou em algum outro lugar de sua preferência. Dessa forma, o cliente não precisa se dirigir ao guichê da empresa de transportes para realizar a emissão de sua passagem.

Mas atenção: esta modalidade está disponível somente em casos de embarque direto. Se este for o seu caso, basta apresentar o bilhete impresso e um documento de identificação na hora de viajar.

homem com mala de viagem

Quais as Vantagens do BPe?

O bilhete de passagem eletrônico traz proveitos para todos os setores da área de transporte. Os passageiros conseguem se beneficiar com a rapidez e independência, por exemplo. Para as empresas, o BPe proporciona mais segurança, mais controle e a diminuição nos índices de fraude das passagens.

Atualmente, a Quero Passagem opera com o sistema BPe, chamado de Embarque Direto no site, e pretende continuar inovando e seguindo as grandes tendências da tecnologia: no futuro, o próximo passo será utilizar a tecnologia QR Code para trazer mais agilidade para nossos viajantes. A tecnologia já existe, mas ainda não está implementada em todos os terminais.

O QR Code irá funcionar de maneira similar ao bilhete de passagem eletrônico, porém, eliminando a necessidade de impressão da passagem. O modelo já é utilizado em companhias aéreas e oferece diversos benefícios aos passageiros.

Além de evitar o uso de papel, o que torna o QR Code uma alternativa sustentável, a tecnologia traz mais flexibilidade ao processo de embarque, tanto para os clientes quanto para a empresa responsável.

Como Funciona a Segurança com o BPe?

Um ponto importante é a segurança proporcionada pelo bilhete de passagem eletrônico: além de tornar o passageiro responsável pela impressão de seus próprios bilhetes, a empresa passa por diversas etapas para poder disponibilizar o formato BPe para seus clientes.

rodoviária

Esse processo de verificação faz com que a empresa esteja com seus dados cadastrais totalmente esclarecidos e atualizados. Esse processo garante que a compra do bilhete de passagem eletrônico seja feita de maneira segura e eficiente.

A partir de julho de 2019, o BPe se tornou obrigatório para empresas que realizam prestação de serviço de transporte intermunicipal, interestadual e internacional de passageiros.

Desde o lançamento da novidade, no início de 2018, já foram contabilizados mais de 1 milhão de bilhetes de passagem eletrônicos. Ao longo dos anos, o setor deve investir em novas tecnologias para facilitar a viagem de seus passageiros.

E você, já utiliza o bilhete de passagem eletrônico? Deixe um comentário sobre a sua experiência!

Imagens: Unsplash, Pexels e Flickr (Arcadiuš)

assine nosso feed

compartilhar