23 de agosto de 2019

Viajar com Crianças: Conheça os Principais Mitos Sobre o Assunto

Por: 

Quero Passagem

Categorias

Meninas admirando a paisagem

Viajar com crianças é um dos passatempos mais divertidos para se fazer em família. Ao contrário do que muitas pessoas imaginam, é possível desfrutar de momentos agradáveis, tranquilos e inesquecíveis.

Com planejamento, organização e paciência, a experiência se torna um aprendizado para todos os integrantes da família, principalmente para os pequenos.

Pensando nisso, resolvemos separar 7 mitos sobre viajar com crianças. Confira!

Mitos X Verdades

1. Viajar com Crianças é mais Complicado

Independente da quantidade e da faixa etária das pessoas, viajar pode ser algo muito simples, basta ter planejamento.

Antes de realizar uma viagem com crianças é preciso escolher o destino antecipadamente, reservar um orçamento específico, programar um roteiro e separar toda a documentação necessária. Essas etapas fazem parte de praticamente todas as viagens, com ou sem crianças.

Portanto, o primeiro passo é encarar a viagem com as crianças com leveza, assim você deixa o sonho de viajar em família se tornar uma diversão para todos.

 

2. O Destino Precisa ter Atrações Infantis

Mãe e criança em uma trilha

Engana-se quem pensa que viajar com crianças é sinônimo de ir à Disney ou conhecer destinos com temáticas infantis. O mundo é repleto de lugares interessantes, diferentes e inusitados, garantindo sempre as melhores surpresas para todos os membros da família.

Além disso, a criança passa a ter uma nova visão sobre as outras pessoas, povos, culturas, tradições e maneiras de se relacionar com a natureza, ampliando seu universo interior.

Qualquer lugar no mundo pode ser interessante para as crianças, basta incluir brincadeiras e muito bom humor no roteiro de viagens.

 

>> Leia também: Dicas para Viagem de Ônibus com Crianças e Adolescentes

 

3. A Viagem não Pode Ser Longa

O planejamento é a base para organizar todos os tipos de viagem, desde a mais curta, até a mais longa.

Então, não se prenda à ideia de realizar viagens que durem apenas um final de semana. Lembre-se que é possível viajar com crianças por um mês ou até mais, dependendo da disponibilidade da família.

 4. O Destino Precisa Ser Próximo

É possível driblar com criatividade as horas a mais dentro do ônibus ou avião, você só precisa pensar na dinâmica do tempo e em como entreter os pequenos.

Separe objetos que sejam divertidos, como brinquedos, revistinhas, jogos e desenhos. Lanchinhos também garantem o bom humor da garotada, você pode montar um kit com frutas, água, sucos e sanduíches naturais.

Caso a viagem seja de ônibus, a escolha do modelo é essencial para trazer mais conforto e tranquilidade. Você pode optar por ônibus tipo leito, que possuem mais espaço e costumam oferecer mantas e travesseiros.

5. As Crianças não Irão se Lembrar da Viagem

Assim como os adultos, as crianças podem não se lembrar de tudo o que aconteceu durante a viagem. Mas, com certeza, esse será um momento inesquecível na vida delas, repleto de aprendizados e descobertas.

Conhecer novos lugares é uma maneira de abrir os olhos para diferentes situações no mundo. Assim, é possível criar memórias afetivas, que contribuem para o desenvolvimento e para criar vínculos familiares cada vez mais fortes.

6. Viajar com Crianças é Muito Caro

Menino em um campo tirando foto

As despesas de uma viagem aumentam conforme o número de viajantes, mas com organização é possível economizar bastante nesse quesito.

Uma dica indispensável é pesquisar por passagens aéreas com antecedência, já que pode conseguir encontrar tarifas melhores em trechos nacionais e até internacionais.

A pesquisa com antecedência também é válida para a hospedagem, que costuma ter diárias com preços variados, dependendo do modelo. Você pode escolher entre hotéis, pousadas, chalés, hostels, apartamentos particulares e muito mais, basta definir a opção que mais combina com a sua família.

Outro ponto importante para quem vai viajar com crianças é o valor da passagem rodoviária e aérea. No caso dos ônibus, crianças de até 6 anos de idade não pagam passagem, desde que não ocupem poltronas, sendo levadas no colo do responsável.

Em aviões, a gratuidade da passagem é aplicada para bebês até 2 anos de idade. Para crianças de até 12 anos incompletos, é possível comprar passagens com descontos. Mas, atente-se às regras caso a sua passagem tenha sido adquirida em uma promoção.

 

Preparada para começar o planejamento da sua aventura em família? No site da Quero Passagem você pode encontrar as melhores ofertas de passagens de ônibus e avião para todo o país!

Imagens: Pexels (Susanne Jutzeler; Josh Willink; Đàm Tướng Quân).

assine nosso feed

compartilhar